Sobre mudanças.

Tudo muda. Uma hora somos melhores amigos, na outra: estranhos que mal se falam. A vida é assim mesmo. O que fiz para te perder?
Você costumava ser o único, o melhor entre todos. Mas agora? Agora só lágrimas manchando fotos antigas da gente.
Todo um momento se passou e eu fiquei presa. Acorrentada naquela lembrança. As fotos penduradas na parede do meu quarto? Vão continuar lá. Esperando por você voltar. Me lembrando de quanto eu era feliz e não dava valor.
Eu sei que te causei dor, apenas dor, mas e você? O que causou em mim? O que são essas chamas ao redor de meus olhos? Desespero de não te ter mais.
Você ainda existe dentro de mim, não é mesmo? Eu sei, eu te sinto, a cada momento!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ablepsifobia

Sophie Kinsella

Ser mulher