Postagens

Mostrando postagens de 2010

Pra ela!

Imagem
Que é meu tudo!
Que eu amo taaaanto. E que está fazendo aniversário hoje!!!!!!!!
Mãe, parabéns, muuuitas felicidades, muitas coisas boas pra sua vida. E que você viva muitos anos ainda para cuidar de mim! kkkkkk. Por que eu ainda tenho trabalho demais para te dar viu.
Amo você.
Beijos.

 Familia feliz, rs.

Beijos

Dog Days Are Over

Imagem
<p><br><br><br><br><br><br><br><br><br><br><br><br>ytyugfyygygy</p>

Primeiro por que eu AMO essa música. Segundo para responder o comentário da Bela, sim, eu continuo vendo glee!! rs. Terceiro por que meus dias de cão estão oficialmente acabados! Siiim, o terceiro ano acabou! *---*

Beiiijos e até logo (bem logo).

À espera...

Imagem
Ok, eu sei que estava sumida. Mas tive minhas razões. Não vou falar delas por que senão seria um post chato, e não é essa a intenção no exato momento. Acho que meu hiato chegou ao fim. Não aguentava mais, devo confessar. Não ter o que postar no blog é um sofrimento, rs. A questão é que estou feliz, sabe?
Não pensei que fosse dizer isso tão cedo. Mas me sinto bem. Hoje o dia inteiro foi lindo para mim. Fiquei com cara de boba, com sorriso de boba, com pensamentos de boba, mas foi maravilhoso. Baixei um cd novo de uma banda que já conhecia por nome e que pensava que nunca no mundo iria gostar. E gostei. E fiquei rindo à toa (não por conta da música, rs). Mas por ter gostado da música. Por estar surpreendentemente assim, tão boba. E por ser boba ser tão legal. Nunca tinha imaginado isso. Como você consegue? Me deixar assim tão boba? Me deixar assim alegre por nada. Rindo de nada. Olhando para o relógio de cinco em cinco minutos esperando para te ver... Ou tendo tantos sonhos, tão lindos. Onde…

Sabe o que mais?

Eu odeio hiatos.

Querida M.,

Imagem
Hoje estava bastante quieta e passei o dia a observar as pessoas ao meu redor. Incrível as descobertas que fiz. Primeiro descobri que a vida não é bela, justa ou fácil. Ela é sim o exato oposto disso tudo. Lembrei-me de quando liamos o Evangelho na parte em que dizia que a "felicidade não é desse mundo" e que falava de como a Humanidade é ruim, doente ou os dois. Isso nunca te deixou assustada? Pensar que vivemos num mundo com uma essência ruim e que, não importa o que fizermos, não vamos ser felizes. Será que é por isso que escreveram aquela música que diz "tristeza não tem fim, felicidade sim"? Por que ela se encaixa perfeitamente.
Vale a pena viver infinitamente triste por alguns momentos de felicidade? Por que é o que sinto. Acordo todos os dias com milhões de vozes me dizendo várias maneiras de acabar com isso. Falando que posso mandar a tristeza embora e buscar a real felicidade, ter alguma paz. E tenho que, todo dia, ignorá-las. Pensar que posso ter ao menos …

Pra onde vai o seu trem?

Imagem
Li em algum canto, certa vez, que sempre podemos mudar qualquer coisa, começar de novo, afinal, nós somos os únicos no controle de nossas vidas. Talvez até seja realmente possível, mas com certeza é bem mais difícil fazer do que falar. Ter o controle da própria vida me faz sentir mais presa do que se não o tivesse. Por que nunca sei se o que estou fazendo é o correto. Se vai dar certo ou se vai machucar alguém. Quando alguém nos diz o que fazer, só precisamos acreditar. Bem que eu queria que alguém tomasse decisões por mim. Até por que, ultimamente tenho escondido as perguntas debaixo da cama e fugido das decisões até o último momento. Hoje ouvi dizer (e sei que quem falou estava apenas tirando uma brincadeira com alguém) que "a vida é como um trem, nós somos apenas passageiro e não podemos dizer para onde ele vai, lide com isso". Passei toda a aula de química pensando nisso, por incrível que pareça. Nós não podemos realmente dizer para onde o trem vai. Mas somos nós quem compr…

Eu tive um sonho.

Imagem
Ontem sonhei com você. Não devia, aliás. Não somos amigos, nunca conversamos sobre nada. Não temos absolutamente vínculo nenhum. E mesmo assim sonhei com você. No sonho tudo parecia fazer sentido, parecia inacreditavelmente real. Parecia certo, até. Eu e você. E tudo ia se encaixando, sem problemas. Tudo fácil e correto. Éramos felizes, inclusive. Mas então acordei e logo te vi. E não existe "eu e você". Existe eu de um lado e existe você de outro. Parece até estranho eu ter criado algo do tipo. Não temos nada haver. Não temos os mesmos amigos, as mesmas convicções, os mesmos interesses... Nada. Não combinamos em nada. E, ainda assim, sonhei com você. Assim sendo, sempre que te vejo, lembro-me do sonho. Me pergunto várias e várias vezes se, apesar de tudo, daria certo. Se poderia realmente existir um "eu e você". Ou se foi apenas um sonho louco. Tanto faz. Só queria te dizer que ontem sonhei com você.

PS: Me lembrei dessa música... Como fazia tempo que não postava, coloque…

O que me faz feliz.

Imagem
Acho que minha mãe realmente gostou dessa história de meme. Ela até inventou um e me mandou, logo, vamos fazer não é mesmo?
O que te faz feliz? 1.Escrever me faz feliz por que me torna viva. Respiro o ar entre as entrelhinhas, bebo os perfumes dos mistérios que ainda não foram escritos. Viver é escrever. E eu gosto de viver. Escrever me torna leve e feliz. Simplesmente. 2.Sorrisos inesperados. No começo ou no meio do dia. Um sorriso depois de um dia chato. Sorrisos, sorrisos, sorrisos, sempre os sorrisos. 3.Domingo em família, reunir todo mundo. Fazer festa e barulho, trocar idéias, brigar pelo último pedaço do bolo. Jogar qualquer coisa, almoço da vovó, assistir filme no chão. Dar abraço na hora de ir embora. Família no domingo é muito bom e me faz feliz! 4. Olhar o céu, por que é um misto de coisas. Ele é perfeito, só para começar. Um manto azul e imaculado, infinito e sereno. O céu para mim significa a própria paz. E paz me faz intimamente feliz. 5.Amar e se saber amado. Amor de mãe, de…

Sábado, 18 de setembro, 9h

Imagem
Querida M., Não consigo parar de pensar no futuro. Já me disseram que devia me focar mais no presente, mas não consigo evitar. É só parar por um momento e pronto! Os pensamentos me invadem, como uma enxurrada. Embaralham tudo aqui dentro e me deixam meio avoada. Lá ficam durante muito tempo, então acabo os analisando, os pensamentos, para ver se vão logo embora e me deixam em paz. Você já pensou no seu futuro? Acho que eu, como a maioria das pessoas, vivo em função do futuro. Cuido da saúde para não sofrer no futuro. Estudo para ser uma boa profissional no futuro. Faço dieta para ficar bonita no futuro. M., quando o futuro vai chegar? Ou vou ter que planejar sempre e para sempre? E quando pensar no futuro é tão assustador que fazemos de tudo para não pensar? "A vida é linda", você me disse. "Vale a pena", fico lembrando sempre de você. Mas, será que é mesmo? Será que vale a pena mesmo quando o futuro é tão incerto? Queria ser mais segura de mim mesma. Queria acreditar n…

5 coisas sobre mim que talvez você já saiba

Imagem
Eu nunca sei o que dizer quando vou começar um post. Sempre fico sem jeito. Mesmo sendo só o computador e eu, mesmo que seja o meu blog. Estranho? Deve ser. Mas eu sempre acho que devo dizer "oi", e depois penso que não ficou legal. Enfim... Eu ganhei um meme! :) Fui tentar explicar para minha mãe o que era, antes de ela encaminhar para mim, e me enrolei toda, então fui logo ao Google buscar ajuda para não me enrolar aqui. Meme: uma unidade de evolução cultural que pode de alguma forma autopropagar-se. Então vamos lá. A tarefa é aparentemente simples: 5 características que me definam. Pisou bem no calo da ferida. O que me caracteriza? :S  Eu ocupo espaço. Isso mesmo, você não leu errado não. Acho que a coisa que mais me define é essa. Eu ocupo espaço ora. Por que não me é suficiente existir, preciso ocupar espaço. Espaço e tempo. Eu ocupo-os. Ocupo o meu tempo e o de outras pessoas também. Pensando bem, há coisa melhor?
Eu arranjo motivo para ligar para as pessoas,…

Saúde Mental?!

Imagem
Para os que não perceberam minha ausência, faziam 8 dias que eu não postava nada. E a última vez ainda tinha sido uma tirinha. Muito boa, é verdade, mas muito vaga. Para explicar meu sumiço, vou valer-me de Rubem Alves: Comecei o meu pensamento fazendo uma lista das pessoas que, do meu ponto de vista, tiveram uma vida mental rica e excitante: Nietzsche, Fernando Pessoa, Van Gogh, Wittgenstein, Cecília Meireles, Maiakovski. E logo me assustei. Nietzsche ficou louco. Fernando Pessoa era dado à bebida. Van Gogh matou-se. Wittgenstein alegrou-se ao saber que iria morrer em breve: não suportava mais viver com tanta angústia. Cecília Meireles sofria de uma suave depressão crônica. Maiakoviski suicidou-se.
(...)
Sinto que meus pensamentos podem parecer pensamentos de louco e por isso apresso-me aos devidos esclarecimentos. Nós somos muito parecidos com computadores. O funcionamento dos computadores, como todo mundo sabe, requer a interação de duas partes. Uma delas chama-se hardware, literalm…

Em reforma!

Promete voltar depois?

Assim como o Garfield...

Imagem
O problema não é que eu odeie as segundas-feiras, e sim que as segundas-feiras me odeiam. Sabe aqueles dias que você simplesmente não devia ter acordado? Hoje eu bem que podia ter ignorado o despertador! ;x
Muxoxos para vocês.

Parece piada

Imagem
Ano de eleição. É quase cômico que seja ano de eleição. Saio pela rua de manhã para ir para o colégio e vejo várias pessoas nos comitês por aí. Com as bandeiras e os adesivos e os carros de som e aquela coisa toda. Slogans, fardas, bonés, músicas chatas que grudam e ficam se repetindo na nossa cabeça por mais uma hora, tem de tudo. Mas já percebeu que em canto nenhum tem proposta nenhuma de nada? Passo por pelo menos uns 4 comitês todo dia e até agora, mesmo sendo abordada umas 6 a 9 vezes por aquele pessoal que entrega adesivo e santinhos, não tenho a menor idéia do que Fulano de Tal ou o Zé dos Anzois Pereira pretende fazer. Mas sei que o Antonio Alguém é padrasto de um primo de um colega do colégio. (?) E aí? Ok, meu professor de história disse que tem um monte de site na internet que fala de tudo que esse pessoal já fez, faz e pensa em fazer. Mas você tem que ter PELO MENOS internet (e falo isso por que tem muito eleitor que não tem), tempo e boa vontade. O que a grande maioria não …

Nostalgia, filme e abstinência.

Imagem
Rir, existe coisa melhor no mundo? Essa semana (é, por que agora eu só posto uma vez a cada semana, risos...) foi uma de muito riso e choro. A maioria do choro foi de tanto rir, felizmente. No poste passado eu reclamei bastante do pré-vestibular, e do enem (faltam 69 dias!), do último ano do colégio e todas essas coisas... Mas seria injusto que eu não falasse o outro lado. E até que tem outro lado. Quando o stress é grande, grande mesmo, como tem sido ultimamente, a gente nem enxerga as coisas boas, mas até que tem. Só de estar no mesmo colégio há... Eu ia dizer quanto tempo faz, mas nem sei mais... 11, 12 anos? 13 talvez... Faz tempo! Conheço todo mundo e todo mundo me conhece. Não que seja muito difícil. Eu nunca fui tímida ou discreta, isso eu confesso. Mesmo assim, é muito bom ter o reconhecimento das pessoas. Poder abraçar os professores da 7ª série e eles olharem pra gente com aquele olhar nostálgico "Como tu tá grande! Vai fazer o que no Enem? Torço muito por você!". OK…

Crescer e delírios da madrugada.

Imagem
Sabe o que é mais revoltante na vida?
A vida é cheia de antíteses, paradoxos e estranhos hiatos. Mas o que nos ensinam os adultos, o que nos dizem que é o certo, é que devemos construir algo, ser alguém. Que devemos ter metas, saber o que queremos e ir atrás de nossos sonhos. Que devemos ser bem sucedidos e totalmente independentes dos pais. Que devemos ver a família como porto seguro. Que devemos ter muitos amigos. Que isso é bom e aquilo é ruim. Que isso é certo e que aquilo lá é muito feio. Somos criados dentro de paredes de tabus. Crescemos em moldes sociais ridículos.
Excluem-nos do mundo, dizendo que é “coisa de adulto”. E quando finalmente somos adultos, é quando finalmente querem que falemos, que tenhamos opinião, que objetemos, que nos revoltemos, que questionemos, que sejamos revolucionários, que mudemos o mundo.
Mas o mundo já está muito bem formado. O mundo já sabe o que quer. O mundo sabe para onde vai, mesmo que seja o fim. O mundo é bem informado.
Nós somos apenas nós. Nós …

Fences

Imagem
Tipo. Eu adoro ir pro colégio a pé ouvindo Paramore. Primeiro por que é quando eu realmente acordo, rs. Depois por que eu fico no meio da rua cantando desafinado que nem uma doida, aí ninguém chega perto de mim. Odeio pessoas simpáticas quando estou no meio da rua. Por que cara, incrível como as pessoas, aquelas que você nunca viu mais gorda, mais magra, mais estranha, param você para perguntar onde fica tal canto e aproveitam para perguntar que curso vai fazer, já que você está com a blusa de pré-universitário, "como vai o terceiro ano?".  Mas enfim. Adoro essa música. Nada em particular, só por que é barulhenta mesmo! ;D 
Ps: Nem achei o vídeo de verdade! :T Aí coloquei logo a tradução, para ficar mais fácil para a mamãe, rs.

Beijos,

Paradoxo

Imagem
Pois é. Domingo, quase 11h e eu não consigo dormir. Amanhã tenho que acordar 5:30 para ir pra aula e ainda tenho prova. Eu definitivamente deveria estar dormindo. Devia mesmo. Amanhã vou lamentar por isso. Mas eu não consigo, fazer o que? Ultimamente o Mais Outra Vez anda beeem abandonado. Perdão a todos que costumavam vir aqui atrás de coisas um pouco interessantes. Atualmente tem sido só reclamação e encheção de saco, eu sei, eu sei. Mas faltam só mais 76 dias! Espero que depois do ENEM, isso tudo melhore! É tipo aquela luta, um dia por vez. E sabe o que? É muito estressante! Quem inventou essa coisa de vestibular? Por que eu realmente queria levar um papo com o tal. O que eu mais (des)gosto é que todo mundo tem uma opinião. Uma não, várias! Para tudo e qualquer coisa. Qual o melhor curso, o melhor professor, a faculdade x ou y, ou, por que não tenta na z? Por que eu não quero? Ah, quem se importa com o que eu quero! Por que é assim MESMO. Todo mundo tem o que dizer, mas todos term…

Dia do estudante!

Imagem
Poxa, que saudade de escrever aqui! Desde que as aulas voltaram que eu me afastei do mais outra vez, da internet, do mundo... Mas peço desculpas, vai continuar assim por um tempo. Faltam só 85 dias para o ENEM! Para o final da época escolar, para a grande prova, para as decisões. Para desatrasar toda a matéria, para aprender tudo que nunca soube. Para surtar! Acho que já deu para entender o quanto a coisa é séria nesses últimos meses! É meio assustador, mas, fazer o quê? Hoje é dia do estudante, aliás! :) E como todo bom estudante, o que tenho para fazer hoje? Isso mesmo, estudar! Alguém aí sabe o que é homeostase? Por que eu juro que não entendi nada! :X Por isso que vim postar, inclusive! Que venham as apostilas, livros, TD's, provas.  Não me culpem pelo sumiço! E mesmo que não esteja comentando, ainda passeio pelo blog de todo mundo.
Vejo vocês sempre que der. Beijos,

03 de agosto, terça-feira

Imagem
6h. - Acooorda filha! - Own não. Tava sonhando. Banho, lavar o cabelo, se arrumar, "cadê meu tênis?". - Mãe, tu viu meu relógio? - Nããão! Vem tomar café-da-manhã. 6h30min. - Não dá tempo! Dá aqui um copo de um suco qualquer. - Já cortei melancia. Engole a comida. - Acabou o creme de pentear! 6h50min. - Você vai a pé. - EU SEI, EU SEI, pera. Cabelo, escovar os dentes, perfume, maquiagem, bolsa, "por que meu celular está descarregado?" - Mãe, me dá uma carona, vai? - Só metade do caminho. 7h . Colégio. Aula de redação, continuo sem entender o propósito dessa aula... sono. Aula de literatura, Ariano Suassuna, nunca pensei que eu gostasse dele, até que gosto. Física, esse professor é completamente sem noção, o que ele deu mesmo? aah, geradores, até que é fácil. 9h35min. Intervalo. - Oi Luana! Como foi a Disney? - Maravilhosa, e suas férias? -... - Ei Anna, vamos comprar comida? Buscar as apostilas novas, sala do coordenador do 3º ano. Ele é legal, sabe? Mas a sala dele tem aquele ar tenso de…

Acabou-se o que era doce!

Imagem
Tenso. Tudo que tenho a dizer depois de sábado! Fizemos todos um desafio, um dia inteiro sem vícios. Comigo pegaram exclusivamente pesado, o motivo? Só por que eu sou adolescente mesmo, vê se pode. Muito injusto isso, a sociedade trata adolescente como se fosse tudo bicho, mas isso é um tema para outro post, vamos voltar ao que interessa. Tive que passar um dia inteiro sem pegar num teclado ou num livro. Tortura total, como vocês podem imaginar. Inventamos de tudo para tentar esquecer os vícios. Saímos, jogamos baralho, dormimos a beça, fofocamos mais ainda, mas quem disse que minha cabeça conseguiu sair da parte do livro que eu estava lendo ou mesmo do seriado que estava assistindo, ou do meu blog, meu querido blog? Ah, tortura. Mas foi "aguentável". Só não faria novamente, nunca mais. Mas não deu para morrer não, rs. Um ataque de nervos aqui, um pensamento vagando aculá, mas nenhum infarte, como disse a amiga Borboleta! rs. Quanto ao final de semana? Foi maravilhoso. Sem mais c…

Na estrada

Imagem
Oi todo mundo! Bom, primeiramente quero dizer obrigada para todo mundo que vê e comenta no meu blog. Essa semana especialmente vocês foram muito importantes para mim. Os que eu conheço e os que eu não conheço também. É sempre um prazer muito grande ter vocês "acompanhando'' minha vida por aqui e confesso que amei ler os comentários, as opiniões e sugestões. Ajudou muito mesmo, de verdade! Fora o quanto é divertido ver os desentendimentos, rs. Mas também, com Clarice Lispector no jogo ficou fácil, não é mesmo? Anyway. Amanhã de manhã estarei em outro lugar! *-* Adoro viajar. Adoro mesmo, me deixa nas nuvens. Coisas novas. Eu sempre achei que enjoo muito fácil das coisas. Das músicas, das comidas, das roupas e até mesmo das pessoas. Eu simplesmente me canso. Nunca aconteceu isso com vocês? Vou visitar a amiga Borboleta em Mossoró. Estou muito animada! Beijos para os que ficam,

Novamente Clarice

"Por te falar eu te assustarei e te perderei? Mas se eu não falar eu me perderei, e por me perder eu te perderia." (Clarice Lispector)

Eu não queria te perder.
Mas não posso me perder, vai além de mim. Achei melhor que soubesse logo.

Duplo sentido

Imagem
Parece tudo tão estranho. Fora do lugar, entende?  Me adaptei a sua ausência. Pareceu bem fácil para falar a verdade. Você estava lá, sempre lá. E de repente se foi. Então eu me acostumei. Arranjei o que fazer quando senti sua falta. Fingi que foi uma escolha. Mas agora, mesmo depois de tanto tempo, (por que faz muito tempo mesmo) olhando para trás, ainda parece tudo estranho. Sem você. E você está lá, quieto no seu canto. Só não faz mais parte da minha vida. A vida é mesmo muito difícil. Nos dá o que amar, o que se apegar, carinho, compreensão e companheirismo. E daí tira. Simples assim. Por que temos que nos adaptar? Por que temos que sair do caminho e evitar constrangimentos? Por que temos que apenas aceitar o que a vida nos dá? E se eu quiser mais? Se eu puder ter mais? Se eu não conseguir tirar da cabeça o desejo de mais, da possibilidade de ter mais? O passado não existe só por existir. O passado me fez o que sou no presente. Foi importante para minha formação, por que tenho que esc…

Eu amo o Kilder!

Imagem
Calma, eu explico. Não é novidade nenhuma para ninguém que me conhece que eu sou rato de computador, pior até do que o mouse, passo o dia todo no computador, sempre que posso e até quando não posso. Troquei a televisão pelos seriados no pc, troquei as revistas pelos e-books, troquei as cartas pelos e-mails, troquei os cadernos pelo pré em foco, troquei o som pelo windowns media player, troquei o telefone pelo msn, troquei o diário pelo blog! Enfim. Deu para entender um pouco a dimensão da coisa né? Então vou contar uma pequena história (totalmente fatos reais). Cá estava eu, no computador, como sempre, e lendo um livro, como sempre (Inclusive eu acabei o livro, era O Garoto no Convés, John Boyne, é massa!) e o livro caí no teclado, ativando algum comando que eu não tenho a menor idéia. BAM. Não, nada explodiu. A imagem da tela virou 90°, toda ela. Tudo estava virado 90°, desespero! Fui chamar tio, ligar pra amiga, acordei a mamãe, a maior confusão. Nada adiantou. Alguém aí já viu um comput…

Dream On

Imagem
Não sei se deu para perceber, mas eu tenho um gosto musical REALMENTE diferenciado. Eu escuto muita coisa, vários estilos totalmente destoantes. Mas se tem uma coisa que eu presto atenção é na letra, mesmo (e principalmente) as em inglês. Acho importante você saber o que escuta. Então eu sempre vou atrás de saber o que tem. Pois bem, essa música eu já conhecia faz tempo. Eu até que curto Aerosmith, mas nunca dei muita bola para essa música. Até que ela apareceu num episódio de Glee. (É, eu sei, eu sei, eu coloco muitas coisas do Glee, fazer o que?) No seriado ela é cantada por Matthew Morrison e eu simplesmente AMO a voz dele e o drama com que ele canta! É o máximo! Aí passei a escutar muito essa música e fui atrás da tradução. E a letra é realmente bem legal. Fala sobre sonhos (dããã), sobre as dívidas que temos em nossas vidas e sobre a música. É legal mesmo, vale a pena conferir. Viciei nela esses dias.
Não se esqueçam, ♪ Dream until your dream comes true!

Sophie Kinsella

Imagem
Nascida com o nome de Madeleine Wickham em Londres no dia 12 de dezembro de 1969. Começou trabalhando como jornalista de economia, com especialização na área financeira, mas acabou percebendo sua verdadeira vocação e parou de trabalhar como jornalista para escrever! E quer saber de uma coisa? Deus a abençoe por isso! O primeiro livro que li foi "O Segredo de Emma Corrigan" (Download Aqui) e de cara já me apaixonei. A história é super leve e engraçado, muito bom de ler! Inclusive acabei de descobrir que o livro já planeja ser gravado com Kate Hudson no papel de Emma, dá-lhe Sophie! Então veio o "Samantha Sweet, Executiva do Lar" (Download), outro livro que me fez rir e chorar. E amar. Não sei se dá para descrever um personagem tão bem quanto ela fez, simplesmente perfeito! E aí pensei, o primeiro foi bom, o segundo tal qual, por que parar por aí? Então fui atrás de todos os livros dela! :) Sua personagem mais famosa aqui no Brasil é a Becky Bloom, protagonista de cinco l…

Blog de Ouro, vê se pode!

Imagem
Então! Pois é :) Hoje recebi uma homenagem, olha que fofo! A amiga Luciana (do Borboletas nos Olhos) recebeu um daqueles selos de blogueiros para blogueiros e, para repassar,  me indicou! Fofa demais né? Sei nem o que dizer, para falar a verdade. Afonia total agora! A Lu, como sempre fazendo isso comigo, poxa! Ele já está aí do ladinho, é o selo Blog de Ouro. Daqueles que a gente vai todo santo dia e adora comentar e é freguesa meeesmo e ama ler o que tem por lá. Eu tenho que indicar dez, mas oh cabeça indecisa essa minha! ;x Vou adiar um pouco, se me permitem, depois penso e edito o post. Só pra não ficar em falta. E para agradecer a Borboleta também né! Por que, afinal de contas, é tudo, tudo culpa dela. Ok, eu tenho blog desde que o Blogger nem era famoso ainda (ainda usava fraldas, por assim dizer), tive todo tipo de hospedagem, mas o Mais Outra Vez foi um projeto que meio que partiu de uma conversa que tivemos, e fico muito contente de ter levado a sério naquele dia e continuar levan…

Estive pensando...

Imagem
ser humano é um animal muito estranho mesmo. (Ou talvez apenas eu seja). Quero dizer, toda essa racionalidade que dá voltas no mundo e nem sempre chega onde quer. Nem sempre chega a algum canto. Pensamos, existimos, pensamos, pensamos, pensamos. Pensamos em por quê existimos e em como existimos. Pensamos nas possibilidades, nos "se" dá vida e no futuro. Pensamos sobre o passado. Pensamos, e é isso que nos faz humanos. Outro dia estava a pensar profundamente sobre um desses assuntos que nos faz racionais. Sabe quando estamos quietos em nosso canto, tão quietos que sempre chega alguém para perguntar "pensando em quê?" e nós, na nossa simplicidade e sinceridade, apenas respondemos "na vida". Pois então. Estava a pensar. Eu nunca fui uma garota muito radical ou revolucionária. Não, eu sempre gostei das coisas como são, sempre fui bem acomodada, obrigada. Não viajo muito, não mudo muito. E nem nunca pensei muito sobre isso. Afinal, para mim, minha vida sempre fo…