Como eu queria...

Eu queria escrever palavras belas.
Queria saber tocar seu coração.
Acabar com todo o sofrimento.
Mas não posso.
Não sei como.
Só sei que dói.
Estou deixada sozinha no escuro.
O preto me domina.
Domina minha áurea, domina quem sou e o que quero ser.
O preto, que é a ausência de todas as cores.
É a ausência do seu amor,
do seu carinho.
É a dor que existe dentro de mim.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ablepsifobia

Sophie Kinsella

Ser mulher